Contabilidade para Farmácia

Com o nosso serviço de contabilidade para farmácia, sua gestão se tornará muito mais saudável e precisa!

Queremos conhecer sua necessidade melhor!

Assim como “prevenir é melhor do que remediar”, planejar e prever é melhor do que ter que executar ações sem uma visão prévia de seus resultados e suas possíveis consequências!
Desse modo, a contabilidade para farmácias se apresenta como uma verdadeira parceira à sua gestão, estando ela responsável por dar todo o suporte para o melhor desenvolvimento da sua farmácia, por meio de relatórios precisos, servindo como base para as mais assertivas tomadas de decisões, e também auxiliando seu gerenciamento financeiro, através da redução da sua carga tributária.

São muitas as vantagens em contar com um escritório de contabilidade especializado em farmácias. Portanto, para que você as conheça melhor, confira alguns dos serviços que nós, da Fatto Contabilidade, temos a te oferecer:

  • Planejamento tributário para farmácias;
  • Escrituração contábil;
  • Emissão de relatórios personalizados;
  • Abertura e regularização de empresas;
  • Entre muitos outros.
Venha falar com um de nossos especialistas e descubra todo o potencial da sua empresa, contando com uma administração saudável e precisa!

As vendas no varejo farmacêutico envolvem produtos com as seguintes especificações:

1 – Produtos sem Substituição Tributária, aos quais se aplica o anexo I do Simples Nacional, sem redução, ou seja, tabela cheia.
2 – Produtos com Substituição somente do ICMS, onde se aplica o anexo I do Simples. Mas, nesse caso, deve ser descontado o percentual correspondente ao ICMS que consta da referida tabela.
3 – Produtos com Substituição Tributária do Pis e da Cofins, aos quais se aplica o anexo I do Simples – mas, nesse caso, deve ser descontada a somatória dos percentuais correspondentes ao Pis e à Cofins que constam da referida tabela.
4 – Produtos com Substituição Tributária do Pis, da Cofins e do ICMS, quando se aplica o anexo I do Simples Nacional – mas, nesse caso, deve ser descontada a somatória dos percentuais correspondentes ao Pis, Cofins e ICMS que constam da referida tabela.
Esses quatro pontos reforçam a importância da correta parametrização das regras tributárias de cada produto vendido pelo estabelecimento. Ao efetuar cada venda, o documento fiscal, seja Cupom Fiscal e/ou NF-e, carrega em sua estrutura digital os códigos tributários que definem cada uma das quatro regras tributárias que mencionei. Se a regra aplicada estiver errada, a empresa poderá pagar impostos a mais. Ou pagar a menos, também de forma indevida. É importante entender que tudo dependerá da correta parametrização das regras tributárias de cada produto, dentro do sistema que emite os documentos fiscais. Infelizmente, muitos empreendedores não se preocupam com esse assunto, e depois sofrem as consequências.
Aproveito para reforçar que só os controles financeiros não são suficientes para que você tenha uma cultura de resultados que contribua para a ampliação da visão sistêmica de um negócio. Conduzir um empreendimento pilotando apenas fluxo de caixa é um erro que poderá prejudicar a continuidade dele. Também é importante que o empreendedor entenda que o aspecto tributário está diretamente relacionado ao contábil e que os dois são de fundamental importância para o sucesso do seu empreendimento – deve fazer parte da agenda mensal do empreendedor e não apenas ao fim de cada ano.

Nossos Serviços

Departamento
Contábil

Escrituração contábil com elaboração de balancetes mensais.

Departamento
Pessoal

Garanta os direitos dos seus trabalhadores.

Departamento
Fiscal

Pague o mínimo de impostos com o máximo de controle financeiro

Legalização
de Empresas

Abra sua empresa com segurança e tranquilidade.

Auditoria
Tributária

Garanta o direito dos seus colaboradores sem complicações!

Solicite um orçamento com um dos nossos Especialistas!